Mapa e Programa de Artes em Dança Digital – MAPA D2 (2008-2013)

Projeto aprovado pelo FAPESP – Pesquisa (2008)

O MAPA D2 é um ambiente para a pesquisa e intercâmbio de informação e conhecimento entre os diversos artistas e pesquisadores acadêmicos interessados na articulação das artes do corpo com os dispositivos tecnológicos digitais, bem como de instituições públicas e privadas voltadas para esse campo. Além disso, através do acervo de imagem fotográfica e videográfica, o MAPA D2 propiciará uma ampla divulgação internacional das criações realizadas nesses países. O atividades do MAPA D2 são direcionados para os povos de língua portuguesa (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe, e Timor Leste) e língua espanhola (Andorra, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, El Salvador, Equador, Espanha, Guatemala, Guiné Equatorial, Honduras, México, Nicarágua, República Dominicana, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, Uruguai e Venezuela) que são, na maioria, países em desenvolvimento. Cientes que o incentivo à dança com mediação tecnológica é baixo ou inexistente em muitos desses países, o MAPA D2 é criado como uma estratégia formativa e informativa para amenizar essa carência através de uma plataforma virtual democrática de grande acessibilidade que esperamos ser viável para todas essas sociedades. Reconhecendo a dificuldade financeira da maioria desses locais para conseguir viabilizar cursos e projetos que incentivem a pesquisa e produção nesse campo, a proposta de um espaço virtual como a do MAPA D2 mostrou-se adequada para amenizar essa situação de demandas e carências. O interesse pela criação e desenvolvimento do MAPA D2 surgiu na experiência diária da proponente deste projeto como professora universitária ao deparar-se com a falta de informação sobre este campo nas várias regiões do país e, também, nas localidades estrangeiras vizinhas. Tal fato tem levado Ivani Santana a ministrar cursos e palestras em vários estados brasileiros, assim como em vários países tais como Uruguai, Portugal e México. Atuando neste campo deste a década de 90, Ivani Santana vem empenhando-se na difusão dessa manifestação artística e, atualmente, junto com o GP Poética, o qual fundou e coordena desde 2004, uma série de atividades e projetos tem sido desenvolvidos para dar conta dessa meta.

Através dos diversos projetos artísticos realizados pelo GP Poética na Internet, um “know-how” foi adquirido que agora poderá contribuir para a criação, desenvolvimento e ações previstas para o projeto do MAPA D2. Uma série de parcerias foram firmadas por conta desse histórico de produção, tais como com a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa <www.rnp.br>, com o Centro de Processamento de Dados da Universidade Federal da Bahia <www.cpd.ufba.br>, com o Laboratório de Vídeo Digital da Universidade Federal da Paraíba, especializado em transmissão de imagem de alta resolução <www.lavid.ufpa.br>, com o Centro de Computação Eletrônica da Universidade de São Paulo, com a Fundação iCAt da Espanha <www.i2cat.net>, dentre outras que estão interessadas em colaborar com o projeto do MAPA D2. 

Written by

No Comments Yet.

Leave a reply